title="" />
Revista do Aço

Fronius apresenta TPS/i: a revolução inteligente

Fronius apresenta TPS/i: a revolução inteligente

O sistema faz com que o número de respingos seja visivelmente menor durante a solda, com arco voltaico e penetrações estáveis, proporcionando maior eficiência e facilidade ao usuário

O mercado de solda é um marco na indústria mundial, atingindo todos os segmentos industriais como: os setores automobilísticos, óleo e gás, de fabricação e recuperação de peças, equipamentos e estruturas. A soldagem se consolida hoje como principal etapa em quase todos os segmentos industriais.

A Fronius – líder em tecnologia de soldagem – apresenta as novas funções centrais TPS/i. O modelo é um gênio universal que foi completamente reestruturado e o desempenho do processador se tornou muito mais rápido, possibilitando que novos fatores de controles possam ser medidos.

Como resultado, melhorou decisivamente as propriedades de solda, aperfeiçoou o manuseio e otimizou a comunicação entre o homem e a máquina. Além disto, o seu design modular facilita a adaptação e as necessidades individuais de soldagem dos utilizadores.

O TPSi se destaca também pela alta inteligência e funções extensas de comunicação. Este sistema faz com que o número de respingos seja visivelmente menor durante a solda, com arco voltaico e penetrações estáveis, proporcionando maior eficiência e facilidade ao usuário. As empresas podem realizar tarefas de soldagens complexas e em constante mudança, de forma ágil, eficaz e com qualidade.

Um dos diferenciais da máquina é a faixa de corrente 03A – 600 Amp. (TPSi 600), uma fonte de 600 Amperes que solda 500 Amperes a 100% do ciclo de trabalho, que permite criar 1000 jobs diretamente no painel da fonte.

A Fronius ressalta que o usuário da plataforma TPS/i pode combinar hardware e software para necessidades especiais. O mais incrível é que as máquinas Fronius “conversam” com qualquer robô já existente no mercado. A empresa fez com que a soldagem se tornasse algo simples e com exímia qualidade.

Cases de sucesso – PG Campos Metalmecânica e Trox do Brasil

Recentemente a Fronius aceitou o desafio proposto pela PG Campos Metalmecânica – atuante no setor de solda e conformação – de fazer o trabalho em um tempo curto e sem qualquer complicação. Eles utilizaram o processo de soldagem MIG PULS – PMC e usaram como material de base uma liga de alumínio para condução de eletricidade.

Descrição do processo: Alimentação de soldagem para células de eletrólise.

Espessura: 25 mm.

Gás de blindagem: Argon 100%.

Especificação: Al 99% – ER1100 – 1,2 milímetros.

Consumido cerca de 90 kg de fio de alumínio 30 dias de serviço.

Resultado: cliente totalmente satisfeito pela perfeição, velocidade da soldagem, estabilidade do arco, penetração 100% e menos respingos.

Já a Trox do Brasil – empresa atuante nas áreas de: soluções de ventilação e ar condicionado; conceitos de proteção contra incêndio e controle de fumaça para edifícios novos e renovados – solicitou um trabalho livre de respingos.

Descrição do processo: Difusor de ar em alumínio de quatro vias

Processo de soldagem: PULS MIG – ALSi5 3048

Material de base: liga de alumínio

Espessura: 1,5 mm,

Gás de blindagem: Argon 100%

Especificação: SFA 5 10/99 AWS ER1100

Resultado: Trabalho 100 % concluído com soldagens perfeitas.

Vantagens TPS/i manual

-Velocidade de resposta do arco em soldagens manuais de raiz, onde há dificuldade de acesso. Os estabilizadores da fonte auxiliam nesta tarefa;

- Tocha com LED que facilita para encontrar a posição correta dos equipamentos em locais escuros;

- Troca do conduíte da tocha sem ferramenta, tornando-se mais rápido e mais seguro;

- Função EasyJobs para criar um job rapidamente;

- Fazer backup ou update pelo cabo Ethernet, descartando a necessidade de uma ferramenta especial.

Acesse: www.fronius.com.br

Compartilhe

Sobre o Autor

Deixe um comentário