Projeto e Soldagem de Estruturas de Chassi Automotivo para Processo GMAW (MIG/MAG)

0

Por:

Prof. Luiz Gimenes

Professor da FATEC-SP departamento de Soldagem Gerente do Site INFOSOLDA

 

Prof. Edson Urtado

Professor do Curso de Pós-Graduação Engenharia de Soldagem SENAI-SP OSASCO

 

Acadêmico Gustavo Gimenes

Técnico em Soldagem – SENAI-SP (Osasco)

Acadêmico do Curso Superior de Tecnologia em Soldagem – Fatec-SP

 

PARTE II – FINAL 

Figuras 7: Exemplos de Soldas de Filete

Soldas de chanfro

As aplicações para as soldas de chanfro são estruturas tubulares, suportes e material redondo sólido.

Tipos de juntas aplicáveis

As soldas com bisel chanfrado podem ser aplicadas nas juntas topo, sobreposta e juntas em T, nas quais as soldas com chanfro em V são exclusivas das juntas de topo. A tabela 11 mostra exemplos de solda de chanfro em V.

Requisito do raio da junta de solda

As soldas em aresta com chapas retas são similares ás soldas do filete. No entanto, as soldas de chanfro em V e chanfro em aresta incluem uma superfície de raio. Este raio da superfície externa é limitado a quatro vezes a espessura da peça, como mostrado na Figura 8.

Figura 8: Limite do raio da junta de solda

Projeto de solda para redução da concentração de tensão

Áreas de alta tensão definidas por análise de elementos finitos ou testes funcionais devem ser revisadas para otimização de soldagem.

A Tabela 8 mostra as técnicas usadas para reduzir a concentração de tensão de solda de filete e melhorar o desempenho da solda, por exemplo coloque a solda início e fim longe dos cantos e outras áreas de alta tensão.

Tabela 8: Reduzindo as Concentrações de Tensões de Soldagem

Projeto da Linha de Solda

A mudança abrupta da direção da linha de solda deve ser evitada sempre que possível, conforme ilustrado na Tabela 9.

Tabela 9: Exemplo de evitar mudança abrupta na direção da linha de solda

Localização da sobreposição de solda

A sobreposição de solda deve ser colocada longe de áreas de alta tensão, considerar uma distância mínima de 50 mm em cantos, perto de furos e outras áreas de alta tensão resultantes da carga de serviço.

Sempre que possível, soldas devem ser colocadas em áreas de baixo estresse e com o mínimo de comprimento possível.

Distância Mínima entre a Linha de Solda e a Tangente de Raio

Ao unir superfícies curvas com solda considerar uma distância tangente ao raio dessa forma reduzirá o efeito desfavorável da tensão residual adicional de tração na área tangencial do raio devido à conformação da peça. Recomenda-se manter uma distância mínima de 10 mm entre a linha de solda e a tangente ao raio, conforme mostrado na Figura 9.

 

Figura 9: X= Distância entre a linha de solda e a tangente de raio

Soldagem Intermitente

Soldas intermitentes que são adequadamente sequenciadas podem ajudar a manter as juntas retas com mínimo de deformação, reduzindo a entrada de calor, o que reduz a distorção. Enquanto isso, as soldas intermitentes também introduzem crateras de solda e inicios, sendo que ambos são de alta tensão. Semelhante às soldas contínuas, o início/parada das soldas intermitentes deve ser colocado longe de áreas de alta tensão.

Soldas intermitentes são especificadas pela distância de centro a centro e comprimento de solda, como mostrado na Figura 10.

Considerar as distâncias (L1, L2): mínimo (Lwe ≥ 0.75b; 0.75b1)

Para as chapas que sofrem tensão: mínimo (L1 ≤ 16t; 16t1; 200 mm)

Para as chapas que sofrem compressão ou cisalhamento: mínimo (L1≤12t; 12t1; 0.25b; 200 mm)

Figura 10: Geometria das soldas intermitentes

Na Tabela 11 os símbolos mais comuns empregados nos desenhos de chassis

Tabela 11: Símbolos de Soldagem

Forma da solda    Representação     Símbolo

Angulo

Chanfro reto

Chanfro reto

Chanfro em aresta

Chanfro meio v com solda em angulo

Solda sobreposta

Solda angulo

Solda tampão

Chanfro em V

Solda em Ângulo intermitente

Chanfro reto com cobre-junta

Acesse: www.infosolda.com.br

Referencias
ANSI/AWS A3.0 – Termos e definições de soldagem
ANSI/AWS A5.18 /A5.18M, Especificação para eletrodos de aço carbono e arames para soldagem a arco com proteção gasosa.
AWS D8.8M: 2007 –  Especificação para Soldagem Automotiva e Qualidade – Soldagem de Aço a Arco Elétrico.
Welding Handbook AWS, Oitava Edição, Volume 2, Capítulo 4, Soldagem a Arco Metálico Gasoso.
Soldagem Almendra at all editora SENAI 2013 720pg, São Paulo
AWS A2.4-98 – Simbologia Padrão de Soldagem, Brasagem e Ensaio não Destrutivo.
AWS D1.3/D1.3M: 2008 – Especificação de Soldagem de Estruturas – Chapa de Aço

Share.

About Author

Leave A Reply