Steinert apresenta nova versão do separador Eddy Current

0

A STEINERT Latinoamericana, líder mundial em tecnologias de separação, apresenta na Metalurgia 2018 a mais recente versão do Separador Eddy Current, chamado de EddyC Fines, desenvolvido para viabilizar a triagem de materiais finos. Separadores Eddy Current são utilizados na separação de metais não ferrosos misturados a materiais não metálicos, como plásticos, borracha, areia, vidro, entre outros. O EddyC Fines foi desenvolvido para executar essa mesma tarefa, porém em frações finas, na faixa de 0 a 10 mm. Dentre suas principais aplicações, destacam-se: plantas de processamento de sucata metálica, recuperação de metais da areia de fundição, plantas de tratamento de lixo urbano, plantas de reciclagem de outros materiais, entre outras.

O principal diferencial dos Separadores Eddy Current da STEINERT é o seu sistema de polos excêntricos, desenvolvido e patenteado pela empresa, que permite aumento considerável da recuperação de metais e prolonga a vida útil do equipamento. O EddyC Fines também possui grandes melhorias no aspecto de operação e manutenção. Todos os ajustes possíveis no equipamento foram otimizados e podem ser feitos de forma bastante simples, facilitando muito o trabalho do operador. Outra vantagem que ele apresenta é o sistema de troca rápida da correia, que pode ser substituída em até 10min. Além dos diferenciais acima, o EddyC Fines conta também com a robustez característica dos equipamentos da STEINERT, podendo operar nos ambientes industriais mais agressivos, como plantas de processamento de sucata e plantas de tratamento de resíduos.

A STEINERT possui vasta experiência em aplicações com Separadores Eddy Current, contando atualmente com mais de 4 mil unidades em operação no mundo. Além de permitir um grande aumento da capacidade de processamento e da eficiência na recuperação de metais não ferrosos, o Separador Eddy Current representa também uma grande vantagem do ponto de vista ambiental, por não utilizar água no processo de classificação e por permitir a recuperação de materiais que antes eram perdidos. Sua aplicação no tratamento de areia de fundição, por exemplo, permite recuperar de forma muito eficiente os metais ali presentes, tornando possível também a reutilização da areia.

Acesse: www.steinertglobal.com

Share.

About Author

Leave A Reply